Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
marialarissaolivei

Em Pesquisa Da Consciência

Em Procura Da Consciência


A banda Rei da Cacimbinha não tem nem ao menos seis meses de vivência, entretanto de imediato é dona de um grande sucesso: Muriçoca. Só no YouTube, o filme da música tem mais um menos 2,cinco milhões de visualizações. Além do mais, populares como o jogador de futebol Fred, Gusttavo Lima e Ivete Sangalo já gravaram filmes cantando trechos nesse fenômeno baiano. A exibição auxílio o grupo a preservar a agenda lotada com mais ou menos 20 shows por mês, mas ao mesmo tempo despertou o interesse de plagiadores de bandas. Em São Paulo foram descobertos quatro casos.


Os nomes usados são parelhos, o logotipo quase a toda a hora é parecido, o repertório é o mesmo e os cantores se caracterizam como John Falcão, de terno azul, chapéu e um girassol na lapela. Carlos diz que neste instante tentou entrar em contato com os empresários responsáveis pelas cópias, contudo não foi atendido.


— Como vamos fazer oito shows em São Paulo a partir do dia 21, alguns aproveitadores construíram clones para tocar uma semana antes, confundir contratantes, e também ludibriar e furtar nosso público. Prontamente entramos na justiça contra eles, no entanto quem sabe não tenhamos tempo fundamental pra embargar os shows, que acontecem nom encerramento de semana do Carnaval. Clones de bandas de forró, axé, calipso e arrocha são comuns pelo Brasil. Na página oficial do vocalista do Rei da Cacimbinha, há dezenas de pôsteres com denúncias contra os imitadores. Gasparzinho (Vai no Cavalinho) e banda Luxúria (Gordinho Saboroso), ícones no Nordeste, bem como sofrem com os falsificadores, que criam grupos para responder demandas locais.



  1. 4 - MínimoDedos da mão direita
  2. Curso Fórmula Violão
  3. 2- Após ou seja só grudar a borda da bexiga no cano com a fita-crepe e está pronto
  4. JARDINEIRO WI-FI
  5. 7/01/2009 às 4:Cinquenta e sete

Em 19 de abril de 2014, pela cidade mineira de João Monlevade, um grupo que se passava na Banda Gasparzinho causou um fundado tumulto na casa de shows Garage Hall. Ao encontrar que não se tratava do grupo original, o público exigiu que os músicos abandonassem o palco e que os ingressos fossem ressarcidos.


O cachê dos imitadores, no entanto, é mais modesto. 65 1000, o do clone toca na metade do valor. Procurado, Donizete Alves, empresário que tem teu telefone publicado em um dos pôsteres de divulgação do show de uma banda que copia O Rei da Cacimbinha, negou envolvimento com o caso. https://dicasdeviolao.puzl.com/_news/Graus-musicais/130322 /p>

— Desconheço o foco. O papel aceita tudo. Colocaram meu telefone por engano. Zé Maranhão, apontado na geração E As Duplas Também Não Têm Culpa? como provável organizador das apresentações de um dos grupos falsos, se defende e diz que nunca vendeu clones do Rei da Cacimbinha. — Nunca vendi, em razão de ainda não tive oportunidade.


Contudo, se as acusações continuarem, eu monto uma banda clone do Rei da Cacimbinha e registro no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). Todos podem fazer isso. Sou dono do grupo Rei da Luxúria, que é inspirado no Luxúria, da Bahia. Eles São Casados Há Seis Anos não é um clone. Tenho registro. É tudo legalizado.


É então que dá certo. As casas de shows também não parecem se preocupar com esse tipo de evento. Curso De Violão Pra Estreantes → G1 Mais diz que agora procurou o INPI pra acelerar o recurso de registro do nome Rei da Cacimbinha, no entanto por enquanto ele só conseguiu um documento que comprova a solicitação.


— A liberação é demorada. Às vezes, devemos aguardar por anos. E portanto outras bandas aproveitam a circunstância, em razão de não existe um registro oficial. Entretanto o nosso pedido está lá. Fomos os primeiros a pedir o registro. Isto prova que somos a banda autêntica.


Tags: veja detalhes

Don't be the product, buy the product!

Schweinderl